Blog

11 dez

5 dicas de como economizar dinheiro para financiar seu primeiro imóvel

Organização é a chave para realizar o sonho da casa própria

O maior sonho de quem mora de aluguel é conquistar a casa própria. Afinal, quem não ia querer deixar de pagar aluguel e investir em um lar, doce lar para chamar de seu?

Infelizmente, o país ainda está passando por um momento turbulento financeiramente, e nem todo mundo tem condições de adquirir um imóvel da noite pro dia.

Entretanto, o que pouca gente sabe é que com um pouquinho de disciplina, qualquer um pode realizar o sonho da casa própria. Mesmo com uma fonte de renda baixa! Saiba que você acabou de achar o artigo dos seus sonhos. Confira agora 5 dicas imperdíveis de como economizar dinheiro para financiar seu próprio imóvel:

 

1 – Faça um bom planejamento financeiro

Fazer um bom planejamento financeiro é algo que deveria ser ensinado nas escolas. Afinal, é uma etapa fundamental de organização que te ajuda não apenas na hora de fazer grandes investimentos, mas também a organizar o seu cotidiano.

Não importa se você quer juntar para pagar a faculdade das crianças, comprar um carro ou até mesmo uma TV nova. É preciso saber se organizar. Por isso, faça uma relação de todas as fontes de renda, os gastos fixos e variáveis, e até mesmo aquela coxinha que você comeu na terça feira a tarde quando estava no centro. Coloque tudo na ponta do lápis e, dessa forma, você saberá exatamente onde o seu dinheiro está sendo gasto e investido.

 

2 – Corte o máximo de gastos possível

Olha aí a prova da importância de um planejamento financeiro. Através da lista do item anterior, é possível identificar gastos supérfluos que acabam minando o seu orçamento. Identifique suas principais fontes de gasto e tente cortá-los ou, no mínimo, passar a utilizar uma alternativa mais econômica.

De pouco em pouco, se economiza muito. E assim é muito mais fácil juntar dinheiro para realizar o sonho da casa própria.

 

3 – Busque bons investimentos

Dinheiro parado é sinônimo de prejuízo. Portanto, seja qual for a quantia que você conseguiu economizar no mês, o ideal é fazer esse dinheiro render. Isso pode ser uma ideia estranha para quem não é acostumado, mas o investimento pode ser decisivo para o seu financiamento.

Investir em algo lucrativo pode te ajudar a criar o hábito de poupar dinheiro, além de impedir que você use o dinheiro para outros fins. E a melhor parte é que os rendimentos te auxiliam a conseguir arcar com a parcela do financiamento mais rápido, ou até mesmo juntar um montante para a entrada.

 

4 – Conhecimento é poder

A informação é a melhor moeda de troca no mercado. Afinal, ela impede que um vendedor mal intencionado te passe a perna, prometendo o “melhor acordo do mundo”, quando a verdade é bem pior do que parece.

Portanto, é preciso se informar ao máximo sobre todos os processos envolvidos na compra de um imóvel. Um dado importante para se conhecer, é a diferença entre os tipos de financiamento.

A maioria das instituições financeiras utilizam dois tipos diferentes de financiamento. Cada um deles tem vantagens e particularidades específicas que podem combinar melhor com o seu estilo de vida e o que você procura para o seu financiamento. Entenda:

 

Sistema de Amortização Constante (SAC)

Na SAC, as parcelas começam com um valor mais elevado, e vão diminuindo gradualmente até o fim do contrato. Com uma parcela cada vez menor, fica mais fácil se planejar.

 

Tabela Price

Quem opta pela utilização da Tabela Price tem a vantagem de pagar um valor fixo para todas as parcelas. Assim, você sabe exatamente quanto vai pagar em cada mês. É uma excelente opção para quem tem uma boa estabilidade financeira e sabe que pode contar com aquele valor todo mês.

Apesar de a maioria dos bancos oferecer as duas modalidades, é interessante comparar as taxas e condições de pagamento utilizadas por cada instituição. Outro dado importante de se lembrar: Ambas as opções sofrem correção de juros de acordo com a inflação anual.

 

5 – Saiba aproveitar as oportunidades

Atualmente, existem diversos programas de subsídio que podem te ajudar a realizar o sonho da casa própria. O Minha Casa Minha Vida (MCMV), do governo federal, é uma ótima possibilidade para pessoas que ganham pouco comprarem um apartamento.

O programa de incentivo possui oportunidades diferentes para cada tipo de consumidor. As faixas são separadas de acordo com a renda do indivíduo, e as condições de pagamento são excelentes. Procure se informar sobre programas como esse. Para maiores informações sobre o Minha Casa, Minha Vida, entre em contato com a Caixa Econômica Federal.

 

E então, está disposto a tentar adquirir seu primeiro imóvel? Parabéns pela decisão! Aproveite e siga-nos em nossa página no Facebook para receber as melhores dicas sobre o mercado imobiliário em primeira mão!

Você vai gostar de ler

Deixe seu comentário

Compare